BRASIL

Meteorologia prevê furacão no litoral do Rio de Janeiro

Setembro 15 / 2017

Um furacão com ventos de mais de 120 km/h se aproxima do Rio de Janeiro. O alerta foi emitido ontem pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), mas, segundo o órgão, o fenômeno batizado de Arani (tempo furioso, em tupi-guarani) não oferece riscos à população em terra - somente a barcos e aeronaves que cruzarem a rota do Cabo de São Tomé, no litoral fluminense, a 40 km de Campos. O furacão está a 110 km da costa brasileira, seguindo em direção ao oceano Atlântico. Nos próximos dias, deverá chegar à África.

O Inmet informou que a Marinha brasileira já tomou providências para evitar tráfego de embarcações e aviões naquela região.

O fenômeno teve início quarta-feira passada a partir de ciclone extratropical que provocou tempestades na Bahia, Espírito Santo e Minas Gerais. Meteorologistas explicam que o Arani se forma de uma frente fria, ao contrário dos furacões que costumam arrasar países no Caribe e têm origem no aquecimento das águas do mar.

Se o fenômeno for confirmado, será a primeira vez que um furacão atinge o litoral fluminense e a segunda vez que chega ao Brasil. Em 2004, o extratropical Catarina, classificado por cientistas americanos como da categoria 1, atingiu a Região Sul.

Ontem, às 20h35, a prefeitura do Rio entrou em estágio de atenção, o segundo em uma escala de quatro e que se caracteriza pela ocorrência de chuva moderada a forte nas próximas horas, devido à aproximação de nuvens carregadas. Segundo o Inmet, o tempo permanece ruim até sexta-feira. As temperaturas variam de 12ºC a 29ºC.

 


Terra

Categorias : BRASIL